Existem formas variadas de conquistar um cliente. Com a evolução do mercado do Marketing Digital, os métodos de prospecção foram crescendo e se aprimorando. No segmento, ter um público-alvo bem definido é importante em todo o processo de planejamento.

Existem diferentes maneiras de obter a representação de um cliente ideal, para a divulgação de um determinado produto ou serviço. O êxito de um projeto depende que ele chegue ao público certo.

Dois métodos de levantamento de perfil do cliente são o ICP e a persona. Conhecê-los é fundamental para você potencializar o seu negócio e obter resultados satisfatórios e que irão contribuir com o seu crescimento profissional. Continue lendo o nosso artigo.

Entenda o que é o ICP

A sigla significa Ideal Customer Profile. Trata-se do Cliente Ideal. Ou seja, aquele que é identificado com a sua empresa, que enxerga valor no seu serviço ou produto, e que tem as suas necessidades supridas. Resume as características do cliente que mais compra.

O ICP é muito útil no objetivo de evitar desgaste com pessoas que não compreendem qual é a proposta de valor, sendo que na análise são inclusos, frequência de compra, ticket médio, porte da companhia e cargo ocupado.

Existem informações que você deve levantar, no intuito de definir a Ideal Customer Profile em uma empresa B2C (empresas que comercializam para o cliente final). Veja quais são:

– Frequência de compra

– Engajamento com a marca

– Importância do produto

– Ticket médio

– O quanto o seu produto consegue suprir as necessidades do cliente

No caso de empresas B2B (as que vendem produtos e serviços para outras empresas), os dados são estes:

– Área de atuação

– Localização

– Porte

– Estrutura

– Ciclo de vendas

– Ticket médio

Mais uma vez é importante ressaltar: tenha em mente que o cliente ideal não é sinônimo de cliente-modelo. Portanto, não diz respeito ao que você idealiza atender em algum momento, mas sim aquele que se mostra engajado com a sua marca e possui as necessidades atendidas através do que é oferecido.

Afinal, o que é persona?

Trata-se da representação fictícia do cliente ideal do seu negócio. Diferentemente do ICP, a persona apresenta características físicas, psicológicas e comportamentais. Também apresenta uma criação de histórias pessoais, motivações, objetivos, desafios e preocupações.

Uma definição bem direta sobre persona, passa efetivamente pelo contato com o público-alvo. Em uma análise rápida e bem objetiva, você consegue fazer a identificação das características comuns entre os potenciais compradores.

Em termos de criação, os dados que devem ser levantados são os seguintes:

– Nome

– Idade

– Profissão

– Estilo de vida

– Hábitos

– Hobbies

– Comportamentos

– Preferências, etc.

Por qual motivo a Criação do ICP vem antes da persona?

A persona é considerada uma extração do ICP. Este, deve ser tratado como uma referência a ser seguida dentro das estratégias de Marketing de Conteúdo.

Os dados mais específicos identificados a partir do Ideal Customer Profile são os parâmetros para a criação da persona.

No momento de desenvolvimento da persona, os pontos que fazem a determinação do ICP estarão em sua composição e deixarão que os conteúdos e as ações criadas a partir da persona sejam bem personalizados e realistas.

Saber identificar o melhor perfil de cliente é uma tarefa que requer atenção, para que o seu serviço ou produto tenha fácil aceitação e os resultados sejam efetivos. Portanto, tanto o ICP, quanto a persona, são processos importantes dentro de um serviço de marketing digital eficiente.

Gostou do artigo? Continue acompanho o nosso blog e as nossas redes sociais para obter mais novidades. Conheça os nossos serviços e faça um orçamento.